Tudo sobre o meu iPad



Finalmente saiu esse post que eu estava empurrando com a barriga para fazer!


Há meses eu recebo muitas perguntas sobre o meu iPad e minha caneta e eu já queria ter feito um post-guia com todas as informações relevantes, minha opinião sincera, mostrar para vocês como eu uso e para quê, mas confesso que me faltava vontade e também tempo para sentar e organizar as ideias. Então finalmente saiu, eu estou muito orgulhosa desse conteúdo e espero que vocês também aproveitem e consigam tirar todas as dúvidas sobre o assunto!

Nesse post você vai ver:

  • qual modelo é o meu iPad e quanto paguei

  • qual modelo é a minha caneta e quanto paguei

  • por que eu resolvi comprar um iPad

  • se valeu a pena ter comprado

  • como eu uso ele

  • se substitui um notebook

  • quais acessórios eu uso para transformar o iPad em notebook

  • como o iPad de fato me ajuda na organização?



Atenção! Os valores que coloquei aqui foram os valores que eu paguei na época, um pouquinho antes da quarentena. Em cada sessão tem os links para comprar exatamente os mesmos produtos que eu tenho e também algumas alternativas.




Qual modelo é o meu iPad e quanto paguei dele?


O meu modelo é o iPad de 7ª geração (2019). Tem 32gb, 10.2” e é o modelo sem rede de dados integrada, ou seja, só funciona com Wi-Fi. Comprei pela Amazon e paguei nele R$1.999,00. O preço dele estava bem abaixo e por isso valeu a pena!


Eu optei por este modelo por já ter as funções split view e slide over, que divide as telas, e também por saber que como é um modelo recente (lançado em set. 2019), as atualizações para ele vão continuar chegando por muito tempo!

Veja:



Qual é a minha caneta e quanto paguei dela?


A minha caneta é a Logitech Crayon e possui exatamente a mesma tecnologia da Apple Pencil, inclusive a mesma ponteira (podendo ser substituída pela ponteira da Apple). Comprei na Kabum e paguei R$450.

Escolhi essa caneta por 2 motivos: 1) apesar de ser a mesma tecnologia da Apple, é mais barata e 2) eu preferi muito mais o formato dela por imitar aquele lápis de carpinteiro, então não cai tão fácil das superfícies.

Veja:

  • Logitech Crayon

  • Alternativa: WB Pencil (nunca usei, encontrei esse modelo há pouquíssimo tempo enquanto procurava cases magnéticas para o meu iPad)

  • "Não compre QUALQUER Apple Pencil" (vídeo em inglês que foi decisivo para comprar a Logitech Crayon, em EN-US, mas observem quando ele mostra as ponteiras da Apple Pencil e da Crayon)



Por que eu resolvi comprar um iPad?


Comprei um iPad Air 1 usado (de 2012) no começo do ano e uma caneta genérica que parou de funcionar em 1 mês e meio. E como eu mexo com algumas coisas de banco e o iPad Air estava parando de chegar atualização, decidi comprar um mais novo e a caneta.

Outro fator é que meu notebook já está entrando na terceira idade e completa 3 anos de idade. A bateria já está viciada, pois só uso ele diretor a carga e ele também tem 15”. É um pouco chato e desconfortável levá-lo para todos os lugares.

Foi aí que o fato do iPad ter somente 25cm de comprimento pesou bastante; leve, compacto, poderia usar mouse e teclado além da caneta. Resolveria meu problema até mesmo com peso!



Valeu a pena comprar um iPad?


Para mim sim! Eu ando bastante na rua (diminui em tempos de pandemia, mas mesmo assim preciso sair todos os dias), viajo sempre para a casa dos meus sogros na cidade vizinha e preciso trabalhar assim como também gosto de assistir séries, ver vídeo aulas, etc. Então para mim valeu sim a pena!

Como eu uso o iPad?


Afinal, como e para quê eu uso o iPad? Por causa da caneta, eu uso muito para tomar notas e fazer resumos de coisas que estou estudando, então vira um caderno digital. Uso internet e redes sociais, faço vídeo chamadas, jogo, assisto séries, filmes, edito vídeos, desenho e faço as artes dos posts do @organizadani.

Fiz essa matriz pra decidir se eu largava a faculdade ou não!


Veja:



O iPad substitui um notebook?


A resposta é: depende. Depende do que você quer, do que você precisa. Confesso que sinto falta dele para algumas coisas, como usar planilhas (tanto Excel quanto Google Planilhas), pois esses apps não são muito otimizados para iPad. O Canva também não, ainda prefiro a versão web e uso bastante para as minhas apresentações, posts, PDFs e outros materiais de clientes.

Como no meu eu consigo utilizar o teclado e o mouse, então sim, substitui um notebook para o que eu faço e está ótimo! É compacto, leve, levo para qualquer lugar sem problema algum.



Quais acessórios eu uso no iPad?


Além da caneta da Logitech que já mencionei, eu também uso um teclado Bluetooth portátil e mouse Bluetooth. Comprei um apoio pela internet que também possui alturas reguláveis.

Se você me segue lá no @organizadani, você vai se lembrar que eu comprei uma Universal Folio da Logitech para o iPad, que nada mais é do que uma capa com o teclado acoplado, mas ele parou de funcionar e estou em processo de conseguir assistência técnica dele, por isso não vou recomendar ainda o produto! Não sei se o problema é no meu aparelho, no meu iPad ou se algo atualizou e ele não é mais compatível.


Também possuo uma capa de silicone que protege bem (ela é mais grossa do que a de celulares) e película de vidro que, confesso, é um pouco ruim para quem escreve bastante com a caneta. O ideal seria a película fosca, mas eu praticamente acabei de aplicar a película de vidro nova, então vou esperar para comprar. O modelo mais indicado é a Paperlike.


Eu não encontrei o modelo exato do meu teclado Bluetooth, mas a marca é H'maston. Eu comprei em uma loja de variedades e eletrônicos da minha cidade, paguei R$50 e funciona muito bem mesmo! Eu só acho as teclas dele um pouco duras e desconfortáveis, às vezes travam um pouco e preciso apertar com um pouco mais de força, o que foi um dos motivos de eu ter comprado a da Logitech.


Veja:

Como o iPad me ajuda na organização?


Bom, no dia a dia já é prático carregar de um lado para outro e praticamente todas as minhas informações estão dentro dele, desde minha lista de tarefas até arquivos importantes, tudo isso porque guardo tudo na nuvem.

Por não ser um computador e ter milhares de opções na tela, navegar no iPad torna tudo muito mais simples e direto. Eu sinto bastante diferença na minha produtividade quando uso o iPad para criar conteúdo, por exemplo, e quando uso meu notebook. Eu me distraio muito mais facilmente.

Minhas ferramentas são todas multiplataformas e com excelente sincronização. Lembrando que uso o Todoist, Google Agenda e Trello, então tudo está sincronizado e bem bonitinho. Literalmente a organização na palma da minha mão.

Ele é mais rápido, justamente por não ser um desktop e precisar de milhares de atualizações o tempo todo, então isso também colabora bastante na produtividade.


A Siri é uma ótima assistente pessoal e eu posso fazer automações e também utilizar o comando de voz com apenas um “e aí, Siri”. É mágico.


Olha aqui esse IGTV de como planejar a semana comigo:



Eu espero que vocês tenham curtido esse post! O feedback de vocês é bem importante para mim ♥ se vocês tiverem mais dúvidas ou quiserem escrever alguma consideração sobre, ficaria muito agradecida! Todos os links da Amazon são de filiados, então a cada compra eu ganho uma pequena porcentagem :)


O próximo post vai ser falando sobre os meus apps e tudo o que uso no meu iPad! Aviso vocês lá no Canal do Telegram e também no Instagram.

2020. Organiza Dani. Feito com ♥ pelo Wix

Danielle Gomide Jorge | contato: daninhelle@gmail.com