Técnica Pomodoro: implementação na rotina

Oi, pessoal! Como vocês estão?

Estão seguros nessa quarentena? Estão em casa? Espero que sim ♥


Os últimos dias foram totalmente dedicados a tentar colocar a vida em dia, tanto no Organiza Dani quanto do outro lado de cá da tela. Recentemente eu lancei o Portal Covid-19 aqui dentro do site, onde reúno várias informações sobre a nossa situação além de coisas que podem acalmar nossos corações. Vejam esse vídeo no IGTV onde abri meu coração para vocês. Também resolvi fazer o desafio diário lá no Instagram @organizadani. Criei uma página para o desafio aqui no site e pode ser visitada clicando aqui. Enquanto isso, também lancei a mentoria gratuita online para quem precisa de ajuda com a adaptação de rotina. É, eu sei. Estou muito disposta a ajudar vocês!


Uma das coisas que eu sugeri no primeiro dia de desafio foi utilizar a Técnica Pomodoro. Cara, se eu fosse te falar sobre uma técnica fácil e difícil de implementar ao mesmo tempo, seria essa. O Pomodoro é super fácil porque os recursos pra sua implementação são praticamente nulos, mas manter o fluxo de trabalho é mega complicado dependendo das suas condições. Mesmo assim, recebi mensagens de pessoas que nunca tinham ouvido falar dessa técnica antes! Como assim, Brasil? Então resolvi vir aqui explicar para vocês.


Como funciona?

Basicamente você faz pequenos turnos de 25/5 minutos ao longo do seu dia de trabalho. Isso significa que você trabalha 25 minutos, folga 5. Sim, é só isso.


Essa técnica surgiu mais ou menos em 1980 com o italiano Francesco Cirillo. Ele estava com dificuldades em se concentrar nos seus estudos. Depois de observar um cronômetro de cozinha no formato de pomodoro (tomate, em italiano) decidiu que iria focar em uma tarefa por 10 minutos. Vai saber o que esse tomate tinha pra dizer pra ele e que fez tudo dar muito certo, mas essa técnica foi aprimorada ao longo dos anos e realmente funciona!


Bom, funciona em partes. Aqui entra a parte que comentei ali em cima. Sendo muito sincera e jogando aberto com vocês, o Pomodoro só vai funcionar se:

  • você trabalhar sozinha (o)

  • não tiver que lidar com pequenos imprevistos ao longo do dia

  • não trabalha com equipe, mesmo que remotamente

  • não trabalha com atendimento ao cliente, seja em canais digitais ou presenciais

  • não tem filhos

  • entre outras situações


É nesse momento que eu recomendo a adaptação. Não dá pra trabalhar 25 minutos ininterruptamente? Tente 10, 15 minutos. Já ajuda em algo, né?!


Ciclos do Pomodoro

Geralmente a gente trabalhando usando o Pomodoro em ciclos. Quando você completa um ciclo de 4 pomodoros completos, ou seja, 100 minutos de foco e atenção total à sua atividade, você pode fazer um descanso maior, de 15 a 30 minutos. Novamente: não deu? Adapte! Principalmente nessa fase de pandemia do Covid-19, tudo que temos que fazer é na base da adaptação.


fonte: internet


Eu utilizo muito essa técnica pra criação de conteúdo do Organiza Dani. É bastante complicado porque sou interrompida o tempo todo (sei que não é por mal, mas é meu trabalho!), mas quando dá certo de me concentrar, vai que vai! Perco até a hora!


Não se esqueçam de entrar nos links que deixei na introdução desse post, ok? É muito importante mesmo. Lavem bem as mãos, utilizem álcool em gel quando não puderem lavar, fiquem em casa se possível, protejam as pessoas de risco e que você ama! Consuma em comércios locais para fortalecer a economia da sua cidade e do seu bairro e não deixe suas ideias e projetos morrerem na quarentena. Sejamos fortes!

2020. Organiza Dani. Feito com ♥ pelo Wix

Danielle Gomide Jorge | contato: daninhelle@gmail.com